Purucast

Purucast #07 – Death Note

purucast-death-note
Recomendação

Oh my ghostess

ohmyghostess

Postagens sobre prêmio

24/01/2016

Confira os mangás vencedores do Shogakukan Manga Awards 2016

0
ore-monogatari

Os vencedores do 61º Shogakukan Manga Awards foram anunciados na última quinta-feira. Cada título vencedor ganha uma estatueta em bronze e um prêmio de 1 milhão de ienes (em torno de R$34.475). O prêmio não se aplica apenas a títulos de mangás publicados pela editora Shogakukan, porém três dos cinco vencedores deste ano são publicados por ela.

19/01/2016

Saiba quais são os 11 títulos indicados ao 9º Manga Taisho Awards

0
manga-taisho

O Anime News Network divulgou a lista com os 11 indicados ao prêmio japonês Manga Taisho Awards, que, este ano, está em sua 9ª edição. Os indicados também podem ser vistos na página oficial do prêmio.

Tags
16/01/2016

As Memórias de Marnie está na lista de indicados ao Oscar 2016 de melhor animação

0
marnie

A lista oficial dos indicados ao Oscar saiu e As memórias de Marnie, de Hiromasa Yonebayashi (Studio Ghibli), está entre os indicados ao Oscar 2016 de melhor animação.

O filme conta a história de Anna, uma garota muito solitária que se muda para uma pequena cidade litorânea, onde conhece Marnie. Elas logo ficam amigas, mas a nova coleguinha não é bem aquilo que aparenta ser. A amizade das duas vai bem até o dia em que Marnie desaparece sem explicação.

O filme, baseado no livro homônimo da britânica Joan G. Robinson, chegou ao Brasil em novembro do ano passado, pela Califórnia Filmes. Foi o último filme lançado pelo Studio Ghibli antes de sua maior pausa até o momento, além de ser o primeiro a não vir de uma ideia inicial de um de seus fundadores, Hayao Miyazaki (A Viagem de Chihiro) e Isao Takahata (Túmulo dos Vagalumes).

28/11/2015

Mangá de Akiko Higashimura, Kakukaku Shikajika, vence o Media Arts Award

0
kakukaku

Foi anunciado pelo Ministério da Cultura do Japão nesta sexta-feira os vencedores dos prêmios do 19º Japan Media Arts Festival Awards. O grande prêmio para a divisão de mangás ficou com Kakukaku Shikajika, de Akiko Higashimura, autora de Kuragehime.

O mangá, publicado a partir de 2011 na revista Cocohana da Shueisha e finalizado com 5 volumes, é uma autobiografia da autora, iniciando quando Akiko Higashimura estava no terceiro ano do colegial. Através de seu amigo Futami, Akiko começa a ir a uma aula de artes liderada por Kenzou Hidaka, um professor intimidante que gasta muito de seu tempo gritando com seus alunos e mantendo-os focados em desenhar com o uso de uma espada de bambu. Akiko é inicialmente confundida com o comportamento do professor e seus colegas na classe, mas ela continua indo às aulas, tornando-se a autora de mangás que ela é hoje.

As obras que ganharam o Prêmio de Excelência são os mangás Awajima Hyakkei (A Hundred Scenes of Awajima), por Takako Shimura, Otōto no Otto (My Brother’s Husband), por Gengoroh Tagame, Kikai Jikake no Ai (Machinework Love), por Yoshiie Gōda, e o quadrinho português Non-working City, por Tingfung Ho. Apenas lembrando que, no japão, qualquer quadrinho, independente da origem, é chamado de mangá. O mesmo ocorre com anime e desenhos animados.