13/02/2016

[18+] Bons sites de Hentai (em Inglês) Parte II: Fakku

0
Um recorte das tags do fakku.net.

Olá meus queridos pervertidos e pervertidas.

Hoje eu continuo com a minha série de posts sobre bons sites de hentai em inglês. Esta série começou com o meu último post que aborda o site e-hentai.org. Hoje abordaremos o comercial, estável, rápido e elitizado fakku.net.

Faz algum tempo que publiquei a última vez (quase 3 meses). Tanto tempo que o site que eu ia lhes falar removeu todo conteúdo gratuito e passou a ser somente por assinatura. O Fakku removeu todo conteúdo ‘sem licença’/grátis/pirata na virada de ano de 2015 para 2016, vou me referir a esse evento como a Virada no resto do texto. Links para conteúdo removido simplemente apresentam a mensagem “Content does not exist” (Conteúdo não existe). Ainda assim, acho interessante publicar sobre como ele era e como ele ficou. Também vou apontar um site que parece conter muito do conteúdo pago do Fakku, e citar alguns novos sites que também farei reviews no futuro.

Infelizmente, o Fakku não possui material em português (ou espanhol, ou qualquer língua que não seja inglês ou japonês), então se você estava ansioso(a) por mais recomendações de hentais em português, sinto decepcioná-lo(a). Nenhum dos próximos três posts (em que abordarei três sites de hentai diferentes) terá recomendações de mangás em português (ou espanhol). Pois nenhum desses sites traz material em múltiplas línguas como o e-hentai.org (abordado no meu último post). Eu não sabia metade dos sites de hentai que eu sei hoje quando escrevi isso. Eu vou tentar alternar entre sites com material em português (e outras línguas) e material em inglês (e outras línguas). Caso você queira mangás hentai em português hoje recomendo você acessar o meu último post, e ir na última seção, onde eu coloco links para uma busca por mangás em português no e-hentai.org. Como o e-hentai.org tem atualizações frequentes, em qualquer um dos meus próximos posts você pode ir nesse mesmo link que terá material novo para você lá.

Mas vamos deixar de enrolação e começar a análise do Fakku.

Como é um site de hentai comercial

A primeira coisa que se percebe quando se entra no Fakku é o fato dele fazer verificação de idade. Nenhum outro site dessa série de recomendações faz isso. Esse é só um exemplo do fato de que cada aspecto do Fakku é moldado pelo fato dele ser um site comercial. O Fakku é, antes de tudo, um negócio. Isso tem diversas consequências, algumas que eu julgo positivas e outras negativas.

Isso nos leva a segunda idiossincrasia que se percebe após entrar no Fakku a primeira vez, o fato de que grande parte do todo conteúdo do site é acessível somente por meio de pagamento. Outra característica que nenhum outro site dessa série de recomendações compartilha. Quando eu comecei a escrever esse post (por dezembro de 2015) eu passei por cima dos primeiros 100 mangás apresentados naquele dia e cheguei aos seguintes números: 54 dos mangás eram de acesso livre, os outros 46 exigiam pagamento. Dos 46 mangás que exigiam pagamento, 36 deles faziam parte da “Fakku Subscription” e os 10 restantes eram “Fakku Books”. Na época, esses 100 mangás estavam distribuídos nas três primeiras paǵinas do Fakku, que por algum motivo tinham 28, 42 e 30 mangás cada uma (é estranho, mas as páginas tem diferentes números de mangás cada).

O Fakku não só cobra por conteúdo como possui mais de uma forma de fazer isso. O “Fakku Subscription” é uma assinatura mensal que te dá acesso a tudo no site que está marcado com esse rótulo. O custo da assinatura é $12.95 (sim, isso são dólares). Para ter uma “Fakku Subscription” você tem que antes fazer uma conta (a qual por si só não parece trazer nenhuma grande vantagem). O “Fakku Books” é a possibilidade de comprar mangás hentai específicos. O custo é normalmente $19.95 pela versão impressa e digital, e $9.95 pela versão somente digital (download sem DRM). Embora já tenha visto promoções de $4.95 pela versão somente digital. Os mangás vendidos pelo “Fakku Books” são tankoubons, ou seja compilações de cerca de 200 páginas de um mesmo autor e/ou tema. Se uma mangá está marcado como “Fakku Books” você não vai conseguir comprar ele sozinho, você pode comprar somente o tankoubon onde ele está inserido. Os “Fakku Books” são completamente sem censura e parte do seu dinheiro vai para o Comic Book Legal Defense Fund.

Em outras palavras, você tem duas formas de ter acesso a conteúdo pago, uma que te dá acesso a muito material por um preço relativamente baixo, mas mensal, e outro que é caro pela quantidade de material, mas te dá acesso aquele material pelo resto da sua vida. Ambos são completamente separados, e você não tem acesso aos mangás do “Fakku Books” se você tem a “Fakku Subscription”, nem você pode comprar separadamente os tankoubons oferecidos pela “Fakku Subscription” como se fossem “Fakku Books”.

Se você já está achando que eles estão tentando tirar dinheiro de você de todas maneiras possíveis, então talvez lhe interesse saber que eles tem uma loja onde além dos “Fakku Books” eles vendem: camisetas (do site, sobre hentai, de animê, ou com trocadilhos sobre pokemon), figures eróticas, bonés, pôsters e visual novels. Eles também consideram entrar no mercado dos Skates (eu não ando de skate, mas eu me arriscaria a ser preso por andar com aquele skate de loli). Enfim, Fakku é um negócio bem multifacetado.

Buscando efetivamente

No meu último post eu falei sobre como buscar efetivamente no e-hentai.org. Infelizmente isso não existe no Fakku. Não há como pesquisar várias tags ao mesmo tempo, nem remover mangás com determinadas tags dos resultados. Também não há como definir ordenação (vide mais abaixo), nem existe um sistema como o do e-hentai.org para limitar para mangás com mais do que um número de estrelas (nem mesmo existem estrelas, ou um sistema de avaliação dos mangás).

Como ponto positivo, cada página de um mangá específico traz como link as tags, o artista, o editor, a língua em que o mangá foi publicado, e o mangá que inspirou a paródia (este último só era relevante antes da Virada). Quando se clica nesse link se tem uma página com outros mangás com a mesma característica (mesma tag/autor/etc). Além da lista de mangás, o Fakku te entrega um botão que te dá a possibilidade de você ser avisado quando novos mangás com aquela característica aparecerem (“Follow X”) e, às vezes, uma descrição da tag/artista. O ideal seria que essa descrição sempre fosse apresentada, mas são raros os casos que ela aparece (como em https://www.fakku.net/artists/bosshi, em que é dada uma descrição do artista preferido do Fakku, Bosshi).

O Fakku separava hentai em duas categorias: mangá (conteúdo original) e doujinshi (paródias de sérias conhecidas). Como doujinshi é quase sempre conteúdo não licenciado, esse seção foi removida durante a Virada. Na seção mangá (ainda ativa) é possível ver as primeiras dezenas de mangás ordenados por: Newest (recentes), Favorites (favoritados por muitos usuários), Popular (muito acessados?) e Controversial (controversos, onde a opinião dos leitores está dividida). É também possível buscar por: Series (série), Artists (artista, quem desenhou ou escreveu) e Translators (tradutores, essa barra de busca ainda existe, mas não funciona mais desde a Virada, já que servia somente para indicar os grupos de tradução independentes de obras não licenciadas que foram dadas upload no Fakku). Essas três páginas de busca também permitem visualizar uma lista com todos(as) séries/autores/tradutores presentes no Fakku. Há também uma seção “English” para ver as obras mais recentes em inglês, mas isso é basicamente o mesmo que você tem acesso na página inicial do Fakku, já que o Fakku só apresenta obras em inglês e japonês, sendo bem poucas em japonês. Por último há uma seção Random (aleatório), para quando você não sabe exatamente o que está interessado naquele dia. Quando você acessa essa seção sem estar autenticado, você recebe a seguinte mensagem: “If you create an account you can view as many random manga and doujinshi per day as you like! Anonymous users only see one per day.” (“Se você criar uma conta você pode ver quantos mangás e doushinji você quiser por dia! Usuários anônimos só vem um por dia.”). Estranhamente, clicar várias vezes no link, no mesmo dia, traz um mangá diferente a cada vez, mesmo quando não se está autenticado.

O Fakku não apresenta tantas tags quanto outros sites (somente 70). E algumas tags extremamente comuns/relevantes não estão presentes, como a tag loli e rape. É possível que como uma empresa, o Fakku joga o jogo do politicamente correto, com alguma hipocrisia em alguns pontos. Como o fato de possuir loli (garotas menores que 18) e rape (estupro), mas não explicitar isso ou dar formas de selecionar todo material com essa característica.

Uma característica interessante do Fakku que pode te ajudar a selecionar mangás, mas pode te dar spoilers também, é o sistema de comentários. Cada mangá traz comentários de usuários abaixo dele (na página do próprio mangá). Isso é especialmente útil se você está pensando em comprar um mangá do Fakku que você não achou em nenhum outro lugar. Nem todo mundo gosta dos comentários como se pode ver em: https://www.fakku.net/manga/ero-bana-english (Yossarian762 (Tue Nov 17, 2015, 2:07 am) “I wish I could turn off comments so I could go into a story without having some guy at the top of the comments spoiling the story for me :/” (“Eu gostaria de poder desativar os comentários assim eu poderia ler uma história sem ter um cara no topo dos comentários dando spoiler da história para mim :/”).

Fóruns

Como o e-hentai.org, e a maioria dos sites de mangá hentai, o possui fóruns de discussão. Estes estão localizados em https://www.fakku.net/forums. Os fóruns são bem movimentados, embora não tanto quanto os do e-hentai.org. A maior parte dos posts é da última semana, mas não nos últimos dias. Os fóruns parecem extraordináriamente civilizados, mais do que se esperaria de qualquer fórum na Internet.

Quando eu vi uma categoria sobre relacionamentos (“2D ou 3D”), eu não imaginava que haveria uma thread de uma pessoa que saiu de um relacionamento recentemente admitindo seus erros e pedindo conselhos, nem que os participantes do fórum lhe responderiam de forma completamente séria, respeitosa e empática, inclusive adicionando suas próprias experiências. Eu esperava trolls por todos os lados, mas o que vi foi gente dedicando seu tempo escrevendo parágrafos e mais parágrafos bem escritos, objetivando ajudar um desconhecido. Parece um bom lugar na Internet.

Curiosidade

Para os programadores de plantão pode interessar o fato que o Fakku tem uma Developers API.

Existem as tags ‘hentai’ e ‘western’, mas só 17 westerns em toda coleção, todo o resto possui a tag hentai.

Pontos positivos

  • Melhor transição entre as páginas de todos sites de hentai. Imagens sempre carregam, e frequentemente em bem menos que um segundo. Também leva automaticamente o topo para o início da imagem (bom quando se está usando um nível de zoom em que a altura da página fica maior que a da tela do navegador).
  • Não costuma abrir ads enquanto passando de uma página para outra. Não tem ads, porque é tudo pago.
  • Página de frente com capa e uma página interna do mangá, além de tags e outras informações.
  • Quase tudo é clicável (as tags, artista, revista, língua e editora) e, às vezes, tem alguma informação extra.
  • Em geral, o conteúdo do Fakku é muito bom.

Pontos negativos

  • Tudo é pago. Para muitas pessoas isso já o suficiente para nem considerá-lo.
  • Não tem tanta atualização quanto e-hentai, embora o conteúdo em média tenha maior qualidade.
  • Não há uma forma de pagamento que te de acesso a tudo.
  • Falta de tags importantes como loli e rape.
  • Ferramenta de busca terrível. Não busca duas ou mais tags juntas, nem consegue excluir tags.

Pirataria

O Fakku pode ser um bom lugar para descobrir títulos de qualidade rapidamente, e então procurá-los em outros lugares, como o e-hentai.org. Também chegou ao meu radar o site https://hentai.cafe/, que aparentemente apresente muito do conteúdo pago do Fakku de forma gratuita (mas o seu acervo é bem restrito, cerca de 270 obras). Talvez eu faça um post sobre esse site no futuro, mas por enquanto ele é bem pequeno.

Novos competidores

Quando eu comecei essa série eu pensei em fazer 5 posts, cada um sobre um site de hentai diferente. Muita coisa aconteceu desde de lá, como a Virada, o descobrimento de novos sites da minha parte, e o fato do Pururin continuar morto apesar de isso entristecer muita gente. Então eu provavelmente juntarei Pururin e Tsumino (seu auto-proclamado sucessor) em um único post, e farei posts sobre os seguintes sites que eu descobri: os multilinguais, gigantescos, pouco conhecidos, e aparentemente irmãos gêmeos hitomi.la e nhentai.net; o sucinto, qualidade-antes-de-quantidade, fakku-ripoff, e misterioso hentai.cafe.

Enfim, por hoje era isso. Vou tentar fazer o novo post em menos tempo, quem sabe esse mês mesmo, aproveitando que estou de férias. Ele será sobre algum site que tenha conteúdo em português, e quem sabe aproveitarei para indicar algumas obras. Até lá.

R
R
Tags